Buscar
  • Andreia Almeida

Dia das mentiras devia ser convertido em dia da Honestidade, concordas?

Atualizado: Abr 1



Dia das Mentiras, dia das petas, dia dos tolos, dia da gafe ou dia dos bobos é uma celebração anual em alguns países europeus e ocidentais, comemorada a 1 de abril, para pregar partidas e espalhar boatos.


Obviamente pego no tema de forma metafórica, afinal de contas não andamos todos já faltos de mentiras, de tolos e patetas?


Reivindicar a verdade, a honestidade é um direito que assiste a todos nós e começa em cada um de nós!


Mesmo que em tom de brincadeira promover-se o “dia das mentiras” é alimentar subliminarmente a falta de transparência tão urgente nas sociedades atuais.

E atenção, se estás a ler este post e a pensar “que falta de sentido de humor” … pelo contrário, há muitas formas de puxar pela criança interior e brincar :)

E como adoro brincar!


Já que há dias comemorativos para tudo e mais um par de botas, porque não criar-se o dia da honestidade?


Assim promovia-se uma mensagem mais positiva… Trabalhar honestamente em qualquer ação que façamos, seja no trabalho, na prática meditativa, mental, emocional…Honestidade, verdade e transparência que saem do coração e se expressam na acção? Este princípio que fala de brio e retidão.

Ter gosto em tudo o que fazemos e fazê-lo com alegria, sermos verdadeiros acima de tudo connosco.


Concordas?


2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo